Compre Mini-Jardim Amor Perfeito na Loja do Lardim! - Clique aqui

 

Como cultivar flores de

amor-perfeito até em apartamentos


 

 

Conta uma lenda que em tempos remotos as flores do amor perfeito possuíam perfume intenso e adocicado, que se espalhava por grandes distâncias. Eles nasciam livremente e em maior abundância no meio de dourados campos de trigo, como gotas coloridas e perfumadas. Tão intenso perfume era muito cobiçado e as pessoas não se intimidavam em penetrar nos campos, destruindo os trigais, para colher os amores-perfeitos. Com o tempo, a destruição das plantações de trigo e a diminuição das colheitas passaram a gerar falta de alimento e pobreza nos povoados, o que entristeceu as belas flores.

 

Os amores-perfeitos, tão alegres e joviais, passaram a viver tristes, pois sabiam que eles eram a causa involuntária de tantos prejuízos. Num belo dia de sol, eles decidiram fazer um pedido à Natureza: olhando para o céu claro, pediram em conjunto que o perfume de suas flores fosse retirado, para que as pessoas não mais destruíssem os trigais para apanha-los. No mesmo momento, seu pedido foi atendido. Por essa razão, as flores do amor-perfeito, apesar de delicadas e belas, quase não têm perfume.

 

O formato arredondado e achatado da flor, juntamente com suas manchas características resultam numa aparência que, por vezes, lembra uma face humana. Bastou isso para surgir uma outra lenda, desta vez diretamente da Grécia Antiga, relatando que as flores do amor-perfeito, na verdade, eram pessoas que foram surpreendidas entre arbustos espiando a bela Afrodite banhando-se num lago. Imediatamente Zeus teria transformado-as em flores, condenando-as a viverem para sempre nos campos.


Lendas à parte, o fato que os amores-perfeitos são usados há muito tempo como cosmético, medicamento, alimento e até como poção do amor. Romanos, gregos e celtas preparavam loções de beleza e perfumes com suas flores. Os chineses as usavam para prevenir dores de cabeça. Na Idade Média eram consideradas pelos feiticeiros e magos um amuleto infalível contra o mal – era até conhecida como a planta da Santíssima Trindade. Uma tradição inglesa garantia que a flor era um verdadeiro elixir do amor: uma poção preparada com o amor-perfeito, ao ser colocada sobre os olhos de alguém adormecido, fazia com que essa pessoa, ao acordar, se apaixonasse perdidamente pelo primeiro ser que visse. Essa tradição certamente serviu de inspiração para a famosa comédia de Shakespeare “Sonhos de uma Noite de Verão”, onde os amores-perfeitos são usados como a poção de amor que gera a maior confusão entre os personagens.


O amor-perfeito (Viola tricolor) pertence à família das violáceas. Originária da Europa, a planta apresenta pequeno porte, sendo indicada para o plantio tanto em jardins como em jardineiras e vasos. Suas flores são pequenas e delicadas, podendo surgir em diversas cores que vão da tonalidade branca ao púrpura, passando pelo rosa, amarelo, alaranjado, e surpreendentes tons de azul e roxo. O detalhe marcante são as manchas escuras que formam desenhos nas pétalas.

 


Atualmente também é possível encontrar variações como o amor-perfeito miniatura ou mini e o tipo crespo.


A planta se desenvolve bem com o cultivo à meia-sombra, mas é importante que receba de 4 a 6 horas de sol por dia, pode ser luminosidade alternada com sol direto. Seu crescimento é rápido. As sementes germinam no período de 17 a 21 dias e seu ciclo até o florescimento total chega a cerca de 90 dias.


Mas é importante que a planta seja cultivada em terra rica em matéria orgânica e receba regas regulares para que o solo nunca fique seco.


Se o apartamento tem uma varanda ou área que receba pelo menos 4 horas de sol por dia, dá para cultivar amores-perfeitos o ano todo. Uma dica é utilizar o Mini Jardim Amor Perfeito – da Linha Jardim de Flores que permite o cultivo de 8 tipos diferentes da espécie, de forma organizada e prática, ocupando pouco espaço.
Trata-se de uma bandeja-suporte plástica que organiza 8 vasinhos, facilita as regas e o transporte. O conjunto de suporte e vasos acompanha 8 envelopes de sementes de cores variadas de amor-perfeito. Para mais detalhes acesse www.lojadojardim.com

 

 

Ficha da Planta

 

Nome Científico: Viola tricolor

Nome Popular: Amor-perfeito-dos-jardins, amor-perfeito

Família: Violaceae

Origem: Europa

Solo ideal: Rico em matéria orgânica

Regas: Regulares, não suporta solo seco

Luminosidade: sol pleno nas regiões frias e meia-sombra com 4 a 6 horas de sol direto nas regiões quentes

 

Dica: O amor-perfeito é uma das poucas flores que é inteiramente comestível e que pode ser usada nos mais variados pratos, como ingrediente e decoração. O único cuidado é utilizar sementes indicadas para este fim e cultivar a planta sem adição produtos químicos.

 

 

 

Onde encontrar: Mini-Jardim Amor Perfeito está à venda na www.lojadojardim.com

 

 


© Todos os direitos reservados.                                            Contato   Vídeos     Sobre Nós                                                         Visite a Loja do Jardim